Escrever histórias felizes


a imagem pode ter Direitos de Autor
a imagem pode ter Direitos de Autor

Se existe vontade de ser feliz, porque ficar só na vontade? Todos temos ao longo da nossa história, capítulos que são menos bons, de luta, tristeza, difíceis de superar, mas sem dúvida nenhuma que também são de grande ensinamento. As superações se dão quando simplesmente paramos de ler e reler o que já foi escrito e focamos em escrever novas histórias, saboreando o presente, reconhecendo o que foi apreendido e reconhecendo a força infinita que nos permite continuar escrevendo.

Quando temos saúde, amor (de família, de amigos, do animal de estimação, ou de um companheiro), quando temos o básico que nos alimenta e nos traz conforto, temos o suficiente para agradecer. Essa gratidão não se faz apenas através de palavras, mas principalmente do reconhecimento de todas essas outras coisas e situações boas e felizes que recebemos. Então não devemos nos sentir insatisfeitos e desejar mais, ou melhor? Sim, devemos! Mas não devemos perdurar na lamentação e passar a vida a reclamar do que foi ou poderia ter sido, porque enquanto passamos a vida a lamentar, a olhar apenas para o que nos causou tristeza, desconforto ou desilusão, estamos a permitir-se esquecer das capacidades que temos em superar, das novas possibilidades que surgem, de outros caminhos infinitos que podemos trilhar. Alcançar mais e melhor, necessita de uma forte vontade de querer, acreditar no ser e ter fé no próprio poder. Necessita saber tentar resolver um problema, mas que se não tiver solução, escolher não empacar nessa tentativa. É olhando para o presente e para frente, lembrando do que desejamos e merecemos, que de fato continuamos a escrever novos parágrafos da nossa jornada... A vida passa num instante, e qual história iremos escrever agora para quem sabe um dia ser contada por nós mesmos enquanto velhinhos?

Se perdeu uma boa oportunidade de emprego ou está infeliz em algum, foque em melhorar e se preparar para outras oportunidades, porque temos sempre algo por melhorar e aprender. Quem sabe até repensar se deverá rever as suas escolhas, já que temos imensas capacidades que muitas vezes nem conhecemos. Se alguém próximo, amigo, familiar, ou companheiro, de alguma forma deixar de fazer parte do seu dia-a-dia, lembre-se que todos temos o direito de ir ou ficar, inclusive você e lembre-se ainda que todos devem ficar na nossa vida por um querer espontâneo e somente enquanto essa presença nos fizer bem, e saiba ainda que, a ONU contabilizou em 2016, 7,2 mil milhões de pessoas no mundo, isso significa que há imensas pessoas por conhecer e que provavelmente terão tanta ou mais sintonia com você, então abra-se a isso. Se alguém que amava partiu, virando uma estrela no céu, entregue seu coração ao tempo, pois somente ele lhe fará aprender a gerir essa dor, mas dê uma ajudinha ao tempo celebrando sempre que puder as lembranças que ficaram, a fazer as coisas que faziam juntos por exemplo, afinal independente da crença de cada um, quem se foi se manterá sempre presente se você deixar, dentro do seu coração e, certamente deseja para quem fica, uma vida feliz, então honre a sua memória. Se você não se sente bem consigo próprio, busque formas de chegar aonde deseja, mas lembre-se sempre que a beleza maior vem de dentro, da sua experiência de vida, dos seus valores, das suas atitudes e a melhor roupa será sempre o sorriso.

Devemos deixar nossos olhos mais atentos para enxergarem os pequenos detalhes que nos rodeiam, se você os pode sentir de alguma forma, isso já é uma bênção. Assim como é igualmente importante, no seu dia-a-dia, falar sempre de forma positiva, usando palavras positivas e evitar as que trazem uma carga de energia menos boa.. porque sem dúvida nenhuma, o bem atrai o bem. Partilhar, se doar e ser feliz sem medo... O ato de tentar e de querer, de só aceitar e fazer o bem para nós próprios e para os outros, despertará uma atração de coisas boas como um ímã e a vida simplesmente fluirá. Todo o poder e capacidade de felicidade está dentro de nós, não precisa de reconhecimento, aceitação, de retribuição ou de qualquer outro auxilio externo, precisa apenas de gratidão, vontade de querer e fé. Isto não é uma receita para evitar novos sofrimentos, ou desconfortos, mas um exercício diário que devemos tentar realizar para que consigamos superar com mais facilidade todos os possíveis obstáculos que possam surgir. Cumprimente então as suas dores, pois elas lhe tornaram mais forte e entrelace as mãos com o que há de bom, pois é de onde vem a motivação da qual necessita. Prepare-se para o melhor, deseje o melhor, reconheça o quão forte é para continuar de pé, reconheça todo o melhor que há em você e abra seu coração para o receber. Porque esse melhor sempre vem e assim você acabará por escrever não apenas livros, mas sim muitos e interessantes fascículos!

por Paula Recacho


publicações recentes... 

Você já deve ter ouvido falar que "as palavras têm poder". Mas será que você acredita nessa afirmação? O que você não sabe é que seus pensamentos e convicções sobre a vida e as circunstâncias podem influenciar a sua maneira de agir e conseguir o que quer. Se entendermos de uma vez por todas que o que afirmamos diariamente...